Sala Justiça

Comissão oficia Comandante-Geral da PMMS sobre condutas em treinamento de cadetes

Ao tomar conhecimento em notícias veiculadas na imprensa sobre condutas atípicas e inadequadas na formação de cadetes na Academia de Polícia Militar (APM) de Campo Grande, o Presidente da Comissão de Direito Militar da OAB/MS Paulo Alberto Doreto oficiou o Comandante-Geral da PMMS Coronel Marcos Paulo Gimenez questionando os procedimentos. 

Em vídeos divulgados é possível observar os oficiais em posição de flexão ao sol e possíveis práticas de tortura, abuso de autoridade e improbidade administrativa. 

Questiona-se no ofício a natureza da atividade,  a responsabilidade, as condutas dos superiores, bem como o número de procedimentos administrativos ou inquéritos policiais militares abertos para investigar os fatos denunciados à Corregedoria.

A Comissão espera que os fatos sejam esclarecidos e devidamente apuradas as responsabilidades. 

Veja aqui o ofício.

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *